Tecnologia do Blogger.

Archive for Maio 2013

O fim do vidAvaí.

Desde 2008 venho de diferentes maneiras tentando apoiar o Avaí. Tudo começou com o blog em parceria com o Douglas Martins Silva e o Fernando Silva. No blog, diversos amigos dessa caminhada ao lado do clube escreveram e fizeram parte da história. O Felipe Matos manteve o vidAvaí de maneira brilhante por mais de um ano e hoje toca o projeto "Memória Avaiana" com outro "sócio" do vidAvaí, o Marcelo Herondino Cardoso e com o colega de blogueiragem, Felipe Silva. Com o tempo, no entanto, o blog tornou-se meu somente. Todos pegaram gosto pela coisa e decidiram focar no que mais gostaram da experiência.

Com o Twitter e o Facebook, o vidAvaí deixou de ser um blog e virou um conglomerado com capacidade de alcance muito acima do que jamais esperei. Um único post bem feito pode alcançar agora milhares de pessoas com uma velocidade espantosa. 

Em muitos dos momentos destes anos todos cometi erros de julgamento e atitudes em relação às pessoas ligadas ao Avaí, mas não serei modesto a ponto de dizer que, ao lado de todos os amigos que fiz nessa jornada, pessoas de excelente caráter e enorme paixão pelo clube, acertei também. Os amigos que ficam dessa jornada são a maior prova. 

Hoje, após meses de reflexão, passarei a ser somente mais um torcedor nas arquibancadas. A vida pessoal clama por mais atenção e cuidados. Não é o fim definitivo de toda essa estrutura. O vidAvaí passou por muitos ciclos. Mas faz parte da minha busca por um equilíbrio melhor. Uma hora em que vida passa a ser só vida e o Avaí uma parte dela somente. 

Seria impossível citar a todos que fizeram valer a pena todo esse tempo. Um dia a gente volta a conversar sobre o Avaí, provavelmente nas mesas do Bar do Chapecó já no próximo jogo. Em qual rede virtual já é uma resposta bem mais difícil. Para quem tiver Twitter, podemos continuar nos falando no perfil @rafaelvebr.

Um grande abraço e um eterno agradecimento a todos que participaram dessa história. Hoje ela ganha um novo capítulo. Fui!

Uma análise rápida do Balanço 2012.

Fiz uma leitura rápida, de cerca de 1 hora no máximo, do Balanço Financeiro do Avaí referente a 2012, divulgado ontem no site oficial. Há diversos números e notas explicativas interessantes. Vamos lá, sem se alongar muito na introdução ao assunto.

Resumo do Patrimônio
ESQUERDA: 2012, DIREITA: 2012. Grifos por parte do autor do blog. Fonte: Avaí Futebol Clube.

Interessante, nessa primeira parte, avaliar alguns dados sobre o Ativo do Avaí. Aumentaram significativamente os valores que o Avaí tem a receber. O patrimônio total ativo quase dobrou, muito devido à reavaliação do valor dos terrenos e da Ressacada, como especificado nas notas explicativas disponíveis no documentos.

ESQUERDA: 2012, DIREITA: 2012. Grifos por parte do autor do blog. Fonte: Avaí Futebol Clube.
Na segunda parte da demonstração do Patrimônio, é possível notar também o crescimento das obrigações Tributárias e Trabalhistas de 2011 para 2012. Um dado assustador também é constatado: o déficit acumulado de sucessivas administrações do Avaí já chega a R$ 30 milhões. 

A escalada do Déficit.
O gráfico a seguir é de autoria do blog, não constando no Balanço, e é baseado no valor do déficit acumulado desde 2006, conforme divulgados pelo clube:
Evolução do déficit acumulado do Avaí. Gráfico: blog Minha VidaAvaí. Fonte: Avaí Futebol Clube.
Basicamente falando, o déficit é a diferença entre as receitas e despesas operacionais totais do clube. O déficit acumulado é o valor dessa diferença ao longo dos anos. Assim, em 2012 o Avaí saiu da linha que vinha seguindo, de controle das contas, para aumentar suas dívidas em mais 8 milhões de reais. 

Despesas trabalhistas somam 5 milhões do rombo.
Pode-se alegar que os prejuízos foram provenientes da queda de divisão, decorrentes da perda de 7 milhões na arrecadação com cotas de TV. Porém, esta questão não é assim tão simples. Observe a demonstração de custo operacional.

ESQUERDA: 2012, DIREITA: 2012. Grifos por parte do autor do blog. Fonte: Avaí Futebol Clube.

De 2011 para 2012, o Avaí diminuiu sua folha de pagamento do time profissional em somente 3 milhões de reais e ainda precisou amortizar dívidas com atletas em valor de quase  2,6 milhões. Ainda teve que providenciar contingências de quase 2,5 milhões para pagar perdas de processos judiciais de natureza trabalhista que podem vir a ocorrer, conforme diz a nota explicativa abaixo, também retirada do documento:
Nota explicativa presente no Balanço Financeiro de 2012 do Avaí Futebol Clube.
Em 2012, ainda há um fator positivo, no entanto, nos custos: os empresários lucraram 5 vezes menos com o Avaí.
Cota de TV e sócios representam a maior perda de receitas.
ESQUERDA: 2012, DIREITA: 2012. Grifos por parte do autor do blog. Fonte: Avaí Futebol Clube.
O Avaí perdeu 7 milhões em receitas com a cota de TV e mais 1,9 milhão com a debandada de sócios após o rebaixamento. Na soma, 8,9 milhões a menos no faturamento do clube. No entanto, mesmo com menos exposição no cenário nacional, o clube conseguiu aumentar suas receitas com venda de material esportivo (que continua irrisória) e contratos de publicidade, conseguindo também manter o mesmo patamar nas receitas de patrocínio. 

Um ponto interessante é que mesmo com a locação da Ressacada para a realização do show de Paul McCartney, a renda com arrendamentos e locação caiu.

"O time certo" e a dívida de R$1.900.000.

ESQUERDA: 2012, DIREITA: 2012. Grifos por parte do autor do blog. Fonte: Avaí Futebol Clube.

Ainda chamam atenção dois pontos quanto às receitas do Avaí. São as contas a receber. Além do valor do negócio com o Flamengo, também ganha destaque um item interessante: mensalidades de sócios a receber. Ponto interessantíssimo, na realidade. Esse valor provavelmente refere-se aos sócios inadimplentes, sejam aqueles que deixaram desistiram de ser sócios sem comunicar ao clube ou aos que pagaram dezembro e janeiro juntos somente em 2013.

Zunino, o credor de quase R$10 milhões. 

Nota explicativa presente no Balanço Financeiro de 2012 do Avaí Futebol Clube.
Esta nota explicativa do Balanço de 2012 refere-se ao principalmente a quanto o Avaí já deve ao seu principal credor, o Presidente do clube. A afirmação quanto ao principal credor é do autor deste texto, não constando no Balanço. De 2006 até aqui, o valor dessa dívida quase dobrou, conforme pode ser conferido no gráfico abaixo, de autoria do blog:
A evolução da dívida do Avaí com pessoas físicas e jurídicas ligadas ao clube, sem cobrança de juros. Entenda-se como principal credor o Presidente atual do Clube, João Nilson Zunino. Fonte: Avaí Futebol Clube.

Quando estas dívidas serão cobradas? Ninguém sabe. O certo é que se as contas do Avaí não forem normalizadas e positivas, elas nunca serão pagas. Simplesmente assim. A saúde financeira do clube é preocupante e as receitas são baixas. Um aumento maciço e consistente do número de sócios, desses que não desistem de colaborar com o clube nem nas piores condições, é fundamental. Ainda que uma administração mais responsável seja o principal. 

- Copyright © vidAvaí - Skyblue - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -